Páginas

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Reina, minha paz!




Eu já falei por aí
que a paz não era pra mim
eu já briguei com o mundo
não quero mais ser assim

Eu já tentei controlar
as coisas ao meu redor
carregar nas minhas costas
o que é muito maior

Maior do que o que aguento
tomando o tempo que tenho
roubando a paciência
enfraquecendo minha essência

Estou cansada demais
pra ficar me preocupando
reina, minha paz!
já não estou te impedindo

Estou exausta demais
pra fugir da felicidade
reina, minha paz!
sei que não é tarde

Desisti de acreditar que funciona
ser alguém nunca se impressiona
com as coisas mágicas que a vida dá
pra quem sabe simplesmente admirar

Estou disposta demais
a voltar a ser capaz
de ser mais leve e serena
então reina, minha paz!

Um comentário:

Daniele Santos disse...

Arrepentou como sempre Nessa..
Muito muito bom ..

Beijão